Tecnologia do Blogger.
RSS

Ser autêntico.

Esta semana lá na academia uma senhora chegou para a aula carregando um vidro de conservas. Perguntei na maior inocência o que seria aquilo. A senhora, muito simpática, respondeu que trazia sua água no vidro porque gostava de água em temperatura ambiente; não era porque não confiava no filtro de outros lugares ou coisas do gênero, mas simplesmente, porque gostava da água em vidro grande e com temperatura amena.
Fiquei impressionada com a autenticidade daquela senhora. Não se importava com a opinião dos outros. Não ligava em ter que dar explicações de suas atitudes. Não se escondia, pelo contrário, vivia abertamente e feliz.
Ela me deu um choque de lucidez com sua simplicidade. Parei e pensei: “acredito que os anos ensinaram a ela que não vale a pena viver escondendo sua própria identidade”. Realmente, não vale a pena viver como “Maria vai com as outras”, fazer as coisas como todo mundo faz. Esconder-se atrás da máscara da popularidade, viver feliz em grupo e infeliz consigo mesmo.
A maior realização de um ser humano é aceitar-se como é, com suas qualidades e defeitos. Não que tenha que repetir sempre os mesmos erros ou atitudes impensadas, mas renovar-se, mantendo sua essência.  Por isso, conhecer-se é mais importante que explorar o mundo inteiro. Viajar para dentro de si, mais alucinante que drogar-se. Ter planos para o futuro, mas nunca excluir-se deles. Aventurar-se para extrapolar seus limites e tronar-se mais forte. E nunca deixar de ser autêntico!

Jaqueline Alves Nieto
CREF 090794-G/SP


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

2 comentários:

Esporte e Cidadania disse...

Gosto muito de suas postagens, e adoro seu blog. Parabéns e um abraço

Jack Nieto disse...

Obrigada! Sinta-se sempre em casa!

Postar um comentário

Compartilhe

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...